Publicado por: Eduardo Wagner | dezembro 3, 2007

Embalagens PET

foto-garrafas.jpg

O produto utilizado como embalagens de bebidas e alimentos conhecido como PET (Poli Tereftalato de Polietileno) é um polímero termo-plástico produzido pela condensação de ácido tereftálico e etilenoglicol. O PET é largamente utilizado nos dias de hoje por suas propriedades, tais como suportar temperaturas de -40°C até 200°C, suportar ser levado ao forno de microondas, oferecer resistência ao oxigênio, prover suporte mecânico como proteção ao produto que é embalado, e principalmente o baixo custo de sua produção. Este tipo de polímero possui propriedade termoplástica, isto é, pode ser reprocessado diversas vezes quando aquecido a temperatura adequada, pelo mesmo ou por diferentes processos de transformação. Propriedade esta que favorece o a reciclagem do produto.

Segundo a Associação Brasileira da Industria do PET – ABIPET, foram produzidas em 2005 374.000 toneladas de embalagens das quais cerca de 40% foram recicladas. A reciclagem deste material produz diversos sub-produtos tais como têxteis, resinas químicas e tubos dentre outros.

Por outro lado, o descarte inadequado deste produto causa diversos problemas ambientais e sociais, que vão desde entupimento de bocas de lobo e canais a acúmulos de vetores de doenças. Segundo estudos o PET leva cerca de 500 anos para se degradar no meio-ambiente, o que aumenta ainda mais os problemas gerados pelo seu consumo.

1_detritos.jpg

O que devemos considerar é que os problemas citados no parágrafo anterior são causados pelo descarte inadequado das embalagens pelo consumidor final e pela falta de coleta e não pela utilização em si das embalagens PET. Ao analisarmos mais detalhadamente o assunto podemos elencar uma gama de fatores que geram o problema:

  • A grande quantidade de resíduos descartados em via publica devido a pouca educação e consciência da população brasileira;
  • Baixo investimento em políticas sanitárias por parte dos órgãos responsáveis das três esferas administrativas;
  • Pequena abrangência na coleta do lixo urbano nas regiões de periferia e nos pequenos municípios;
  • Inexistência de lixeiras públicas na grande parte das cidades brasileiras;
  • Baixo índice de coleta seletiva no Brasil. Segundo o IBGE em censo realizado em 2000, apenas 451 dos 5507 municípios possuíam coleta seletiva;
  • Baixa disseminação das políticas de educação ambiental junto à população em geral.

Tal como os problemas da utilização do PET, têm também problemas similares com sacolas plásticas, embalagens tetrapak, e só não temos problemas com latinhas de alumínio porque elas viraram alternativa de renda para diversas pessoas, pois tem o atrativo de ser um resíduo mais valorizado do que outros recicláveis.

Temos a tendência de tentar solucionar os problemas que nos rodeiam da forma mais simplista possível, e nesta busca pela solução rápida, nos esquecemos de observar toda a cadeia que envolve o assunto. Com a disseminação do uso desta embalagens, deveria ser elaborado um plano que contemple a gestão dos resíduos sólidos como um todo, onde cada item tenha seu ciclo de vida identificado, que sejam incentivados todas as possibilidades e viabilidades do pós-consumo, que se criem dispositivos que fomentem o uso de embalagens retornáveis, além da implementação da educação ambiental à população como um todo e sem esquecer de dar um tratamento sério às políticas de saneamento básico no Brasil, pois a produção de resíduos é inerente à condição humana e estes não deixam de existir quando desaparecem de nossas vistas.

Anúncios

Responses

  1. voces sao uns..-!?@@~_
    e tambem umas merdas

  2. c puder me mandar a referencia da ond vc pegou isso eu agradeceria pois preciso para referenciar um trabalho


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: