Publicado por: Eduardo Wagner | novembro 29, 2007

Delicioso e Crocante

Olhem só que apetitoso!

Baratas d’água gigantes em lata, para você fazer aquele prato delicioso. Já vêm pré-cozidas. Basta temperar, por no prato e enfeitar.

barata-em-conserva.jpg

 

baratas2.jpg

Realmente, existe gosto pra tudo.

Anúncios

Responses

  1. Caro Eduardo Wagner,

    no mesmo instante em que cliquei e vi essa lata com as suculentas baratas já semi-prontas para um delicioso repasto… hehe (bichinho teimoso, vive de modo inarredável no nossos imaginário, e no nosso cotidiano), lembrei-me de duas coisas acerca dos hábitos alimentares arraigados em todas as culturas, todas as populações do mundo – numas mais, noutras menos.

    Lembrei-me da luta de cientistas e ambientalistas para que os chineses deixem de fazer uso da “sopa de ninho de andorinhas”, hábito milenar, prato dificílimo e perigoso de ser conseguido, já que o tipo de andorinha em questão fa ninho em penhascos pavorosos à beira-mar.

    Outra lembrança foi para o médico, cientista e político brasileiro de fama internacional, Josué de Castro (Recife, 1908-1973), que foi durante dois mandatos o presidente da FAO – o órgão da ONU dedicado ao estudo e distribuição de alimentos pelo mundo. Pois bem. Ele escreveu vários livros a respeito da alimentação humana no Nordeste do Brasil, dando destaque ao desperdício, às superstições e proibições alimentares, ou seja, hábitos culturais, dando ênfase à necessidade de se fomentar nas populações um conhecimento melhor daquilo que, hoje, chamam de “balanceamento energético” ou balanceamento alimentar”, etc.

    Uma luta difícil.

    Aquele abraço. Bela postagem.
    Darlan

  2. Pois é Darlan, eu já morei por algum tempo na região amazônica, e o que já vi de coisas estranhas sendo comidas que até deus duvida. Há coisas que nunca mudarão.

  3. que horror !
    sempre soube que presença de baratas é sinal de falta de higiene … eu tenho medo anormal de baratas ,mais pelo nojo que sinto por elas .
    Que contraste enquanto em alguns países as pessoas procuram meios para exterminá-las noutros chegam ao extremo do nojo … sem querer exagerar , mas chega a ser diabólico …

  4. Eu ja comi a barata

  5. Que nojo!!!!Estava comendo quando vi isso e quase que vmt!!Cruz-credo!:)

  6. Gostaria que as baratas não fossem tão .tão .tão tudo, pois tenho nojo,panico,trauma,odio, tenho todos os sentimento negativos sobre elas, odio….odio…odio.

  7. Esse inseto é a “barata d’água”, que nada tem a ver a barata terrestre que infesta áreas urbanas. É um tipo de percevejo gigante, predador (de insetos, peixinhos e rãs). Vive nas margens das coleções d’água, como rios e lagos.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: